Grupo Trino

Área Restrita »

Notícias « Voltar para a listagem

Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa

O Brasil é um país que possui diversas religiões: catolicismo, protestantismo, espiritismo, religiões de matrizes africanas e tantas outras. O crescimento dessa diversidade, porém, resultou no aumento do número de casos de intolerância religiosa.

Celebrado em 21 de janeiro, o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa foi instituído em dezembro de 2007 por meio da Lei nº 11.635. A data foi escolhida para rememorar o ataque ao terreiro Axé Abassá de Ogum, na Bahia, que resultou na morte da Iyalorixá Mãe Gilda.

O último levantamento do Ministério dos Direitos Humanos afirma que, entre janeiro de 2015 e o primeiro semestre 2017, o Brasil registrou uma denúncia de intolerância religiosa a cada 15 horas.  Destes, 39% são denúncias de intolerância contra religiões de matriz africana.

A criação do Dia Nacional de Combate a Intolerância Religiosa não representa apenas o reconhecimento de uma luta pelo fim da discriminação religiosa. Ela contribui, também, na convocação de novas denúncias, que podem ser feitas através do canal Disque 100, tornando possível a punição dos casos de intolerância.

A Trino registrou, em seu Código de Conduta, uma norma referente às Atividades Religiosas onde afirma que: “Respeitamos a liberdade religiosa de nossos colaboradores; no entanto, não permitimos quaisquer práticas de atos religiosos em nossa dependências, individuais ou coletivos”. A norma objetiva a manutenção de um ambiente de trabalho harmonioso e livre de qualquer caso de intolerância religiosa. 

Notícias

Copyright 2019 © Todos os direitos reservados - www.grupotrino.com.br

Desenvolvido por midtech